Sobre o projeto

A partir de 2006 ANJOS DO VERÃO ajudou a reencontrar mais de 1100 crianças perdidas nas praias de Guarujá e Praia Grande. Esta ação transformou as areias destas praias em locais mais seguros. Enquanto nossos monitores cuidam de crianças perdidas e de localizar seus pais, os bombeiros ficam 100% focados na segurança do mar. No Carnaval 2010 mais de 250 crianças foram reencontradas por nossa equipe e graças a este trabalho não ocorreu nenhuma morte por afogamento nas áreas em que estávamos.

Em 2011 fizemos uma excelente combinação de parcerias com o comando do 17o. Grupamento de Bombeiros, com a Associação dos Quiosqueiros e apoio oficial da Prefeitura de Guarujá. Com estas forças institucionais conseguimos apoio de empresas que permitirão que nossos pontos de encontros de crianças perdidas focem expandidos com consequente aumento da segurança naquele verão.

Agora estamos sem patrocinadores, como já estivemos muitas vezes, mas continuamos o trabalho em família. Apesar de apenas um bandeirão na praia da Enseada continuamos muito efetivos. Muitos tem copiado o trabalho da praia. Isso não nos deixa tristes, pelo contrario. A própria prefeitura do Guarujá fez isso usando a guarda municipal e colocando bandeiras na praia das Pitangueiras.

Unindo tecnologias nós já estamos indo mais longe, bem mais longe. Sete anos de praia...

Nasceu agora a pulseira "hight-tech", como colocou a Folha de São Paulo em matéria de página inteira com chamada na capa e tudo. Agora temos Kit de segurança em dois modelos um completo com adesivos, transfers, pulseira e SMS e outro, que é apenas para crianças, a pulseira.

Nos dois casos o usuário compra um número que é de uso pessoal e vitalício. Em seguinda vem a nosso site e cadastra, conforme o Kit adquirido, um certo número de celulares e e-mails relacionando-os. Assim eu tenho um numero destes e com ele posso marcar tudo o que quiser: as crianças, os pets, meus pertences, etc, etc. Quando qualquer destes itens for encontrado por um bom samaritano eu e meus "anjos", os donos dos celulares e e-mails que escolhi, vamos receber mensagens avisando o que é e onde esta. Tudo isso sem que meus dados pessoais sejam expostos.

Ainda cabem parcerias e patrocínios - associe sua marca a esta ideia maravilhosa! Veja:

Em Congonhas “são encontrados em média 700 objetos/mês, e o percentual de devolução é em torno de 40%. Objetos não reclamados são encaminhados ao Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo. Por lei, os objetos permanecem conosco por 60 dias e não é possível fazer buscas pela internet, mas pode-se obter informações pelo telefone (11) 5090-9013 e e-mail achadoseperdidoscgh@infraero.gov.br."

Se este material estivesse marcado com SOSANJOS estaria 100% devolvido aos donos. Olhe a mídia que isto gera.

- Patrocinador, associe sua empresa e marca a este trabalho, aguardamos seu contato.